Gilberto Gil é internado novamente: “Espero em breve estar em casa”


Gilberto Gil voltou a ser internado para terminar bateria de exames
Depois de apresentar um quadro de hipertensão arterial em fevereiro deste ano e ser internado para uma bateria de exames, Gilberto Gil voltou ao hospital nesta terça-feira (10).

Segundo a assessoria do cantor, o pai de Preta Gil está no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, para uma complementação dos exames e deve sair do local ainda nesta quarta-feira (11).

No Instagram, o músico agradeceu aos fãs pela preocupação com a sua saúde e esclareceu que está apenas terminando o procedimento que foi interrompido por conta da sua turnê com Caetano Veloso.

“Retornei ao hospital com Flora Gil [sua esposa] para terminar o meu check-up. Obrigado por tanto carinho, espero em breve estar em casa”, concluiu.

Informações preliminares dão conta de uma crise renal desta vez. A assessoria de Gil, no entanto, não quis confirmar essa versão.

Veja:
Share on Google Plus

About FUROS E FLAGRAS DOS FAMOSOS

Postar um comentário

Leticia Almeida entrega reviravolta chocante sobre paternidade de sua filha, Madalena

Leticia Almeida entrega reviravolta chocante sobre paternidade de sua filha, Madalena
Após o ex-namorado publicar carta revelando não ser pai biológico da criança, ela decidiu abrir o jogo

Thaila Ayala esclarece boatos sobre gravidez após publicar foto suspeita

Thaila Ayala esclarece boatos sobre gravidez após publicar foto suspeita
Atualmente, a morena está em um relacionamento sério com o ator Renato Góes

Bruna Marquezine aposta em maiô fio-dental e famosos surtam: ''Todo mundo desesperado já''

Bruna Marquezine aposta em maiô fio-dental e famosos surtam: ''Todo mundo desesperado já''
A musa tem curtido os dias na Grécia e deixou os fãs e amigos famosos de boca aberta

Deborah Secco se manifesta após cena de estupro em Segundo Sol: ''É difícil de assistir''

Deborah Secco se manifesta após cena de estupro em Segundo Sol: ''É difícil de assistir''
A atriz abriu o coração para falar sobre a dolorosa atuação