Monica Iozzi adere à campanha contra Bolsonaro e rebate seguidores


Monica Iozzi respondeu seguidor (Imagem: Reprodução)
Monica Iozzi agora faz parte do time de famosos que está na luta contra o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL). A afirmação foi feita pela apresentadora após ela postar um vídeo nas redes sociais.

“Não podemos ter um presidente homofóbico, machista, racista. Vamos às ruas para dizer sim à democracia, não podemos voltar atrás após ter lutado tanto para conseguir nossos direitos”, disse.

A apresentadora falou também do ato que vai ocorrer no sábado (29), quando as pessoas sairão às ruas para gritar #EleNão. Ela ainda lembrou da época que fazia “CQC”, onde teve oportunidades de entrevistar o candidato e disse: “Eu que já entrevistei tantas vezes, pode falar com tranquilidade que ele realmente não tem nenhuma habilidade para ser nosso presidente”.

Monica também postou um vídeo (veja a baixo) do “CQC” no qual Bolsonaro faz declarações homofóbicas e racistas. “Algumas pessoas questionaram a veracidade do vídeo, alegando que ele havia sido editado afim de prejudicar o entrevistado. Na época da gravação, Bolsonaro reafirmou suas declarações ofensivas contra os gays, mas questionou a edição de suas falas racistas. Vale lembrar que no Brasil homofobia ainda não é crime, racismo sim. Bolsonaro chegou a dizer que o programa havia fraudado a reposta e que processaria a TV Bandeirantes, emissora que veicula o CQC. Tempos depois deu declarações (inclusive em programas de TV) de que havia ganho o processo que teria aberto contra a Band. Segundo o departamento jurídico da Band, Jair Bolsonaro nunca processou a emissora”, falou.


A mensagem de Iozzi foi apoiada por alguns seguidores, porém, outros a criticaram e a acusaram de usar a Lei Rouanet. “Se você não se comove com o fato dele tratar os negros como gado, falar que mulheres devem receber menos porque engravidam ou achar que gays devem apanhar, você deveria pelo menos ler o plano de governo dele. Não há propostas reais! São um apanhado de ideias superficiais, sem nenhum tipo de análise científica”, respondeu Monica.

A atriz ainda salientou o patrimônio de Bolsonaro. “Mais do que triplicou desde 2010, sem nenhuma explicação. Isso sem falar nos seus funcionários fantasmas ou no auxílio moradia que usou durante anos, tendo apartamento próprio. E, pra fechar com ‘chave de ouro’ ele disse que o erro da da ditadura militar foi torturar e não matar. Dica: pesquise sobre os fatos que relatei acima. Tudo está em matérias jornalísticas e, na maioria das vezes, com ele próprio dizendo tais absurdos em vídeos. E, pelo amor de Deus, gente… Vocês nem sabem o que é a Lei Rouanet. Pesquisem antes de falar besteiras que ‘aprenderam’ em vídeos do MBL e afins”, alertou.

Confira:
Share on Google Plus

About FUROS E FLAGRAS DOS FAMOSOS

Postar um comentário

Bruna Marquezine confirma fim de namoro com Neymar Jr.: ''Uma decisão que partiu dele''

Thais Fersoza mostra momento íntimo de amor e carinho com Michel Teló

Thais Fersoza mostra momento íntimo de amor e carinho com Michel Teló
A apresentadora flagrou um momento de descanso durante o domingo

Faustão ironiza passagem de atriz pela Record e estreia “câmera de cinema”

Globo toma decisão sobre futuro do “Só Toca Top”

Juliana Paes revela talento inacreditável do filho de apenas 7 anos

Juliana Paes revela talento inacreditável do filho de apenas 7 anos
A atriz dividiu a novidade em suas redes sociais e de quebra ainda ganhou elogios